Moradores vizinhos a prédio de luxo em construção na Asa Sul se revoltam com transtornos da obra

prédio de luxo

A construção de um novo prédio de luxo na Superquadra Sul (SQS) 212 tem despertado revolta em moradores da região. O novo prédio residencial, batizado de Glass, será erguido no Bloco I. De um lado, quem reside nos edifícios vizinhos reclama que o canteiro de obras bloqueia o estacionamento público, restringe passagem de pedestres e invade a área verde de condomínios já existentes. Do outro lado, órgãos do Governo do DF e a construtora Lótus, responsável pelo empreendimento, alegam que a obra preenche os requisitos legais.

Leia mais: Defesa Civil alerta para queda de temperaturas no Distrito Federal

Os moradores da SQS 212 demonstram insatisfação com a perfuração do solo para a construção dos dois pavimentos de garagem e estão preocupados com o fato de a obra poder comprometer a estrutura dos prédios vizinhos, diante da proximidade da área que será escavada com os condomínios já existentes.

Um dos moradores afirma que é um sentimento geral dos condôminos o receio de que tamanha intervenção possa pôr em risco a segurança das garagens dos blocos J e C.

Na semana passada, a construtora instalou tapumes sobre a área do estacionamento público em frente ao Bloco C, bloqueando aproximadamente 19 vagas.

“Bloquearam o estacionamento, sendo que os apartamentos não são vazados. Assim, havendo um incêndio ou um caso de saúde nos apartamentos do lado poente, a tragédia está anunciada”, afirmou outro residente.

Os tapumes foram retirados pela Secretaria de Proteção da Ordem Urbanística (DF Legal), na última quinta-feira (25/5), diante da falta de autorização, na ocasião, para colocação da cerca provisória.

Fonte: Metrópoles

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Thaynara Leite

Thaynara Leite

Graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão - UFMA, Pós Graduada em Marketing de Pequenas e Médias Empresas.
Rolar para cima