Ano 2020Edição JS Nr 408, Abr 2020Síndico em Destaque

É desafiador ser um gestor, ser o “conciliador” condominial

Coluna Síndico em Destaque

A Síndica em Destaque da nossa coluna este mês de Abril 2020, é a síndica: Marcilia Bellozupko Stremel, do condomínio SQS 310 Bloco J, com 48 unidades de apartamentos, na Asa Sul, Brasília – DF

1-) O que é ser Síndica pra você?
È desafiador ser um gestor, ser o “conciliador” condominial. È necessário ter um conhecimento geral em contabilidade, um pouco de gestão de pessoas e até mesmo política. O síndico precisa estar sempre se atualizanda, participar em cursos profissionalizantes para ser síndico orgânico ou Profissional.

2-) Como você faz pra conciliar suas atividades pessoais, com a de Síndica?
Fui bancária e atualmente psicóloga, como tenho horários flexíveis, consigo administrar a rotina para dar atenção ao condomínio.

3-) Quando assumiu quais os problemas e dificuldades encontradas e qual o maior problema que enfrentou ?
O condomínio tem garagens muito estreitas que, consequentemente, geram atritos e desavenças entre os moradores. Mas o maior problema que enfrentei ocorreu em fevereiro de 2018, uma parte das pastilhas despencou do último andar (graças a Deus, não teve vítimas), chamamos a Defensoria Pública, foi elaborado um laudo técnico e corrigimos as infiltrações oriundas de telhado e juntas de dilatações. Agora está tudo resolvido e bem monitorado.

4-) Quais foram as melhorais implantadas na sua gestão e qual economia o condomínio obteve com a implantação dessas melhorais?
Trocamos as telhas de amianto que são cancerígenas por telhas tipo sanduíche que isotérmicas e tem melhor tratamento acústico, diminuindo o calor dos apartamentos mais altos. Também trocamos as fiações elétricas antigas das áreas comuns do condomínio para o modelo trifásico. Substituímos as lâmpadas comuns por LED, reduzindo o consumo de energia. Nas garagens e corredores, foi colocado sensor de presença, para economia de energia. Pusemos irrigação nos jardins para reduzir as despesas com água. Colocamos sinalização em todas as áreas comuns do prédio, tudo dentro do padrão exigido pelos bombeiros.

5-) Como faz para manter atualizada a inspeção predial ?
Como nosso prédio tem mais de 40 anos, é necessário fazer um laudo técnico a cada dois anos e corrigir as anomalias diagnosticadas, além de fazer o seguro predial e residencial dos apartamentos. Acho importante o síndico e o zelador fiscalizarem constantemente as áreas comuns (garagens, prumadas, telhado) e averiguarem, além da limpeza e iluminação, as trincas e rachaduras das paredes e tetos se estão aumentando.

6-) Cite Quais são os principais desafios no seu condomínio, no dia-a-dia?
Como o condomínio é a residência dos meus “clientes”, vejo que o principal desafio é a pluralidade de opiniões entre os moradores, o síndico acaba se tornando mediador de conflitos corriqueiros, que muitas vezes acabam gerando um grande desgaste.

7-) Na sua opinião, quais são os elementos de sucesso para um bom Síndico e como os condôminos podem ajudar na Gestão?
Envolver os moradores para participar das atividades corriqueiras, como fiscalizar a limpeza do prédio, dar sugestões/opiniões para melhorias do condomínio, para que se sintam inclusos e bem representados. Também busco fazer com que moradores e colaboradores tenham uma boa convivência.

😎 Com respeito a acessibilidade, sustentabilidade e educação ambiental quais são os desafios ?
O condomínio faz a separação do lixo orgânico, do reciclável e não reciclável, mas ainda não existe total conscientização dos condôminos. Adquirimos uma caixa coletora para o lixo orgânico (compostagem), infelizmente a maioria dos moradores não separa no lixo.
Anualmente é feito vistoria nos apartamentos pra ver se há vazamentos das válvulas hidráulicas e de gás.
Temos um projeto em colocar no telhado as placas fotovoltaicas.O Instituto Arapoti visitou nosso condomínio e fomos aprovados para ter o selo verde de sustentabilidade.
Na questão de acessibilidade, instalamos sinalizações, colocamos uma vaga especial e rampas de acesso, além de antiderrapantes e corrimões.

9-) Hoje a segurança é uma questão primordial, quais medidas foram ou são tomadas para melhorar esta questão aqui no condomínio?
O condomínio tem 49 câmeras distribuídas em todas as áreas comuns, garagem e pátios. Possuímos um grupo de whatsapp de síndicos, porteiros noturnos da quadra, para se comunicar se tem “algum suspeito ou carro desconhecido na quadra”. Criamos um código secreto de SOS, pra usar em caso de sequestro, roubo, etc.

10-) Qual a mensagem você passaria para futuros síndicos?
Como mencionei, é desafiador ser síndico, é preciso ser um pouco psicólogo, advogado, bancário, contador ao mesmo, e se atualizar sempre para ser um bom administrador de Condomínio.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Indicamos para você!

Close
error: Content is protected !!
Faça seu anúncio no JS pelo WhatsApp