ArtigosÚltimas Notícias

Extintores: Manutenção e Recarga

Por Redação Síndico legal

Como estar atento aos cuidados no combate a incêndios nos condomínios

Quanto mais o tempo passa, mais acidentes relacionados a incêndios têm acontecido anualmente nos condomínios, portanto a atenção dos síndicos e administradores tem se tornado cada vez maior para um equipamento de segurança que é essencial no combate ao fogo, os extintores de incêndio.

O extintor de incêndio deve e precisa ser recarregado todo ano, somente o de CO2 (Dióxido de Carbono) que precisa ser conferido de 6 em 6 meses, e se for preciso, ser recarregado.

Não se podem esquecer as mangueiras dos extintores, pois de nada adianta ter um extintor, sem a mangueira em bom estado, e elas também precisam passar pelo teste hidrostático para confirmar se ela está apropriada e se suporta a pressão na hora de ser utilizada, e esse teste deve ser feito de 5 em 5 anos.

E uma coisa que poderia ser simplesmente resolvida com uma manutenção anual dentro condomínio, e que poderia evitar maiores problemas, muitas vezes se tornam o ponto x, e trazer um prejuízo inestimável para o síndico que não está situado com o processo de prevenção condominial.

Assim sendo, também é preciso prestar bastante atenção com os orçamentos muito baratos, porque como velho ditado diz: “o barato as vezes sai caro”, e posteriormente pode ter mais despesas trocando peças que não deveriam ser trocadas, por isso é bom ficar de olho!

Exigência

É interessante recordar que faz parte da obrigação legal e função do síndico se preocupar com a recarga dos extintores, e não existe saída, deve-se recarregar ou fazer a troca do equipamento.

Com isso, percebe-se a relevância em realizar a prevenção dentro do condomínio, para que possa constar no planejamento financeiro, e evitar que a manutenção se torne uma despesa extra muito grande para os condôminos.

 

Definir a empresa

É preciso verificar na hora de escolher a empresa de recarga e manutenção dos extintores e equipamentos de combate a incêndio se está certificada e aprovada pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia).

Dessa forma, entra a participação de um engenheiro, caso o condomínio possua em sua equipe de funcionários, para auxiliar na escolha da empresa e acompanhar o seu trabalho. Quando os extintores receberem a recarga de acordo com a lei brasileira, eles deverão receber um selo de inspeção do Inmetro.

 

INMETRO (Selo)

O selo do INMETRO servirá para verificar a conformidade dos extintores, e garantir também a qualidade do instrumento e também das empresas profissionais que tem experiência em manutenção.

Cada vez que o equipamento receber uma manutenção ou uma recarga, ele deve receber um selo novo, com uma nova data de vencimento. E esse selo é válido em todo o Brasil.

O selo também dá a garantia de que o instrumento foi certificado  pelo Inmetro e garante a sua manutenção e a sua eficácia.

 

Fraudes na manutenção e recarga de extintor

É interessante ao escolher a empresa que fornecerá o equipamento verificar a viabilidade de devolução dos extintores.

Deste modo, o síndico se resguarda e evita pagar por um serviço do qual fique mais caro do que o seu planejamento financeiro permite.

Outra dica importante é cuidar para que os extintores não sejam trocados pela empresa contratada para fazer a recarga e a manutenção. Para isso, é recomendado que o síndico ou o zelador anote o número dos extintores, ou que faça alguma marca própria do condomínio, para que o equipamento possa ser reconhecido. Dessa forma, será mais garantido que o extintor devolvido é o do próprio condomínio.

Não possui extintor

Essa hipótese deve ser nula. O condomínio não deve ficar sem extintores. Uma sugestão é que o síndico faça a contratação da manutenção por etapas, sendo divididas por andares (sendo um sim e um não), pois dessa forma é fácil o acesso até o equipamento num caso de emergência. Outro conselho seria a empresa fornecedora emprestar os equipamentos, mas lembre-se de fazer o orçamento e se garantir para que não saia mais caro para o condomínio.

 

O portal Síndico Legal gostaria de ressaltar a todos os síndicos e administradores de condomínios para que não deixe para fazer somente a manutenção. É importante sempre ficar atento aos extintores, e sempre que puder pedir para que um funcionário de confiança do condomínio faça uma vistoria, para verificar se estão nos prazos corretos, e se estão aptos para serem utilizados.

 

Toheá Ranzeti – Redação Síndico Legal

Site Parceiro: www.sindicolegal.com.br

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Faça seu anúncio no JS pelo WhatsApp
Close